Scroll Top

fitness Modalidades fitness

Zumba: aulões que reúnem centenas de pessoas e vira festa

zumba

Zumba: os aulões que reúnem centenas de pessoas e vira festa

Fazer atividade física não está entre a lista de atividades preferidas de muitas pessoas, muitas pessoas mesmo. Isso tudo porque criou-se uma obrigação dentro da sociedade no que diz respeito à beleza e ao corpo; todo mundo tem que ser magro, esbelto e saudável.

Através do tempo, com o crescimento midiático, a pressão passou a surgir de todos os lados, gordo é ruim, gordo não é saudável, gordo não é bonito. Por causa disso muita gente começou a fazer atividade física de qualquer jeito, sem orientação, sem vontade, sem querer de verdade, só para perder peso e se enquadrar no que a sociedade considera como sendo bonito.

Por causa disso, a atividade física virou uma coisa chata, que ninguém quer fazer, quando na verdade ela serve exclusivamente para três coisas: fortalecer o seu corpo, liberar endorfina, e, por incrível que pareça, para funcionar como uma diversão.

Atualmente nas academias, as aulas estão ficando mais animadas, mais descontraídas, justamente para as pessoas se divertirem enquanto queimam calorias. Enquanto os homens fazem de puxar ferro um entretenimento para ficar grande, a mulherada parte para as aulas de zumba, jump, aeromix por exemplo.

O que é a zumba?

A zumba é uma técnica que deriva da Colômbia, criada pelo coreógrafo Beto Perez nos anos 1990. Desde então a notícia de que havia coreografias fáceis e animadas para perder peso, academias do mundo inteiro passaram a adotar o método em suas aulas.

A zumba nada mais é do que uma aula de dança, mas com exercícios combinados de fortalecimento dos membros inferiores e superiores. Funciona como uma natação fora da água, porque como a pessoa fica em constante movimento, mesmo nos momentos de descanso, músculos do corpo inteiro trabalham para fornecer energia. E é por isso que queima tanta caloria.

O que são os aulões?

Você sabe quando a prefeitura ou qualquer outra instituição organiza uma feira, uma festa, enfim, um evento que vai chamar muita gente? Então, este é o cenário perfeito para promover um aulão. É quando os professores ficam em cima do palco, e todas as pessoas presentes são convidadas a fazer uma aula experimental da dança.

Quando nós estamos numa boate, ou numa balada, ou mesmo em casa e começa a tocar a nossa música preferida, a gente desata a dançar como se não houvesse amanhã, e esse é exatamente o espírito da zumba; imagine que divertido, se reunir com mais um monte de gente para dançar coreografias de músicas 100% latinas?!

E como é uma aula, você não precisa saber dançar, afinal de contas, ninguém ali sabe dançar. A intenção é justamente ser divertido, rir do erro dos outros e queimar calorias sem nem perceber.

Uma dica final

Particularmente, eu sempre fui adepta dessa filosofia; procure uma atividade física que te dê prazer em realizar, porque assim você não verá como obrigação, mas sim esperará ansiosamente pela hora do dia em que você vai realizá-la e pode acreditar, se um dia parar de fazer, vai sentir falta.

Não precisa nem ser a zumba, porque tem pessoas que não se sentem confortáveis em dançar mesmo, mas lembre-se da sua infância, lá atrás, e tente recordar de qual atividade você fazia que te deixava mais feliz, qual brincadeira? E então faça analogias com o que você tem agora, na vida adulta. Se gostava de pega-pega, então o seu lance é a corrida. Se gostava de pular amarelinha, então o seu lance é o jump, e se ficava horas e horas na piscina, talvez seja natação ou hidroginástica. Não deixe para depois o que você pode fazer agora.

loading...

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.